5 fatores que interferem no crescimento dos cabelos

0
402

Especialista lista as principais causas para o crescimento lento dos fios

 

É muito comum que homens e mulheres enfrentem dificuldades na hora de manter os cabelos compridos ou de deixar os fios curtos crescerem.

Apesar da dedicação e dos cuidados específicos, muitas pessoas se queixam de que as madeixas crescem em velocidade reduzida ou, em outros casos, tornam-se opacos e sem vida com o crescimento.

Por isso, o embaixador da iCabelos e hairstyle Gil Prando listou os principais fatores que influenciam no crescimento dos fios e as soluções para cada uma das situações.

1 – Deficiência nutricional

A falta de determinados nutrientes pode causar consequências no funcionamento do organismo, o que se reflete na estrutura capilar. A carência de metais como zinco, ferro e cobre pode causar queda dos cabelos, além de deixá-los mais finos e quebradiços.

Para suprir essa necessidade é preciso inserir na alimentação maior quantidade de carne vermelha, frango, peixe, soja, lentilha, castanhas e aveia.

2 – Alterações hormonais

Disfunções ligadas ao funcionamento da tireoide ou aos hormônios sexuais podem alterar o crescimento natural dos cabelos. Nesse caso, é preciso procurar um médico e tratar as causas da alteração.

3 – Genética

Cabelos finos e de crescimento lento pode ser reflexo de uma predisposição genética específica. Atualmente, já existem medicamentos adequados para esse caso, que deixam os cabelos mais resistentes e volumosos.

4 – Oleosidade excessiva

A produção de óleo é natural do couro cabeludo e necessária para a saúde dos cabelos, mas o excesso de oleosidade pode causar inflamação no couro cabeludo e, com isso, a queda dos cabelos. Para diminuir essa oleosidade, evite lavar as madeixas com água quente e friccionar muito o couro cabeludo.

5 – Processos químicos

Tinturas e alisamentos podem danificar a estrutura capilar e provocar a queda e a quebra dos fios. Para preservar os cabelos e reparar danos, faça periodicamente, tratamentos como hidratações e procedimentos de reconstrução, antes e depois destas quimicas.

O mesmo vale para quem usa frequentemente chapinha ou secador, nesse caso, é preciso também utilizar um protetor térmico antes da utilização.

O especialista afirma que, caso o problema persista, é preciso procurar um médico tricologista especializado na saúde dos cabelos.

 

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here